Nossa Rede Estadual esta em um grande processo de mobilização para a III Conferencia Nacional de Economia Solidária. A Rede através de seus núcleos regionais e locais esta participando das Conferencias Municipais/Regionais e também realizou uma Conferencia Temática de Saúde Mental e Catadores na região do ABCDMRR e Baixada Santista.

Na III Conferencia Municipal de Economia Solidária de São Paulo, nossa Rede teve a maior representação no segmento de empreendimentos econômicos solidários, seguido dos empreendimentos de Bancos Comunitários, e também a maior representação no segmento de gestores públicos. Conseguimos ter 3 (delegadas) no segmento empreendimentos e 1 (um) delegada no segmento do gestores, além de diversos delegados suplentes. O final da Conferencia de ECOSOL São Paulo contou com a participação do Ministro do Trabalho e Emprego, do Prof. Paul Singer SENAES/MTE, da prefeita em exercício Nádia Campeão, do novo Secretario de Trabalho, Artur Henrique e de diversos secretários. Bem como, a presença de Arildo Mota presidente da UNISOL Brasil, representando a UNICOPAS e representação do Fórum Brasileiro de ECOSOL. Na oportunidade nossa REDE e diversos representantes da ECOSOL/SP entregaram um conjunto de propostas para os secretários presentes e para a Prefeita Nádia Campeão, onde o centro da reivindicação é que São Paulo não pode ficar mais sem uma Política Pública Municipal de ECOSOL, intersetorial, capaz de ser instrumento de fortalecimento e ampliação dos empreendimentos econômicos solidários.

Na Conferencia da região do ABCDMRR e Baixada Santista a Rede também esteve presente e tirando 3 delegadas, tendo um papel protagonista na organização e mobilização da mesma. A Conferencia Temática foi fundamental para mostrar que a construção do cooperativismo social, só se realiza na unidade na diversidade de experiências, unindo diversos segmentos. O compartilhamento de experiências com os catadores foi um exemplo vivo da construção na pluralidade.

Na Conferencia em Guarulhos a Rede conseguiu aprovar mais 2 (dois) delegados (as), importante dizer, que o processo de mobilização em Guarulhos contou com um Seminário de Cooperativismo Social, com ampla participação da cidade e de diversas regiões do Estado, representante da Coordenação Nacional de Saúde Mental – Ministério da Saúde e da Superintendência Regional do Trabalho – Ministério do Trabalho e Emprego.

A mobilização nas Conferencia de Economia Solidaria são fundamentais, pois é nela, que fazemos uma discussão intersetorial dos rumos da Economia Solidaria com seus diversos segmentos e temáticas e mostramos a potencia criativa e produtiva do cooperativismo social. Levando nossas pautas para a III Conferencia Nacional de Economia Solidária.

Parabéns a todos os projetos, oficinas e empreendimentos que estão se mobilizando em todo o Estado de São Paulo por levar a frente a pauta de nossa Rede e do cooperativismo social!! Mobilização permanente para ampliar Direitos!!! Cooperativismo Social se mobiliza!! Intersetorialidade e diversidade de experiências e histórias é a riqueza de nossa Rede e da Economia Solidária!!